PUBLICIDADE
POLÍTICA
'Lei Seca' entra em vigor nas eleições, e veículos estão proibidos de circular durante a madrugada
--- SELECIONE ---
#
 
 

COMPARTILHAR  
Através das portarias 04/2018 e 05/2018, Juíza da 6ª Zona Eleitoral, Dra. Gabriela Maria de Oliveira Franco, determinou a proibição da circulação de veículos a partir da 00h até às 06h de domingo (07), e também proibiu a comercialização e o consumo de bebidas alcoólicas.

VEÍCULOS

Quanto ao deslocamento de veículos na madrugada do dia (7), a Juíza considerou que: Compete aos Juízes Eleitorais a polícia dos trabalhos eleitorais e a adoção de medidas que julgam necessárias à tranquilidade do pleito; que nestes dois últimos dias que antecedem o pleito eleitoral, tem se intensificado um movimento exorbitante de veículos na madrugada, causando transtornos a população, principalmente nos bairros não dotados de ruas asfaltadas, vulnerando o direito ao descanso e ao sossego, pela movimentação intensa de veículos, bem como, os indícios de captação ilícita de sufrágio perpetrada por pessoas que trafegam nestas condições.

Apenas veículos que estejam a serviço da Justiça Eleitoral, que compõem a segurança pública ou estejas atendendo emergência hospitalar e serviços inadiáveis poderão circular. O descumprimento da determinação que poderá ocasionar a prisão em flagrante do infrator.

BEBIDAS ALCOÓLICAS

O consumo e comercialização de bebidas alcoólicas estão proibidos a partir do 00h até as 18h00 do dia (7). Dra. Gabriela considerou o seguinte: Que o uso de bebidas alcoólicas altera os ânimos e dá margem a desentendimentos entre os membros da comunidade; os possíveis casos de discussões de cunho político e acirramento na disputa eleitoral; que o dever cívico do voto deve ser exercido com liberdade, responsabilidade e sobriedade; como imperioso que a ordem pública seja mantida, a fim de que as eleições transcorram em clima de paz e tranquilidade.

A ordem é para que todos os estabelecimentos comerciais que explorem a venda de bebidas alcoólicas, como bares, distribuidoras de bebidas e similares, mantenham o estabelecimento comercial fechado durante o período mencionado, sob pena de multa de até R$ 5.000,00. Restaurantes, lanchonetes, panificadoras e supermercados poderão abrir, desde que só forneçam gêneros alimentícios e que retirem de circulação as bebidas alcoólicas.

A embriaguez pública constitui contravenção penal, advertindo-se que as pessoas encontradas publicamente embriagadas, causando tumulto e desordem no dia das eleições, serão detidas e poderão ser submetidos à ação no Juízo Criminal. Também não será permitida a entrada de eleitor embriagado ou portando qualquer tipo de bebida alcoólica no local das seções.

 

 

 



Últimas Notícias
 
Câmara de Caiapônia entrega títulos de cidadão caiaponiense
 
Polícia Civil ouve mulher de Caiapônia que acusa médium João de Deus de abuso sexual
 
Polícia prende acusado de tráfico de drogas em Caiapônia


NOTÍCIAS ARTIGOS & OPINIÃO  
AGROPECUÁRIA
ARTIGOS & OPINIÃO
CONCURSOS
COTIDIANO
CULTURA
ECONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPORTE
EVENTOS
JUSTIÇA
MEIO AMBIENTE
POLÍCIA
POLÍTICA
REGIÃO
SAÚDE
SOCIEDADE
ATHOS FILIPE
FATIMA CRISTINA
GUINTHER JUNIOR
LEONARDO COUTO
NILVA MORAES


Facebook Instagram Facebook Instagram
© 2018. Todos direitos reservados a Folha de Caiapônia. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.