PUBLICIDADE
02/01/2019
ECONOMIA
Decreto de Bolsonaro fixa salário mínimo em R$ 998 para 2019

#
 
 

COMPARTILHAR  

PUBLICIDADE

O salário mínimo foi fixado em R$ 998 para 2019. Embora a Lei Orçamentária projetasse que a remuneração básica dos trabalhadores ficaria em R$ 1.006 este ano, o valor será menor por causa de uma diferença nos parâmetros utilizados no cálculo. O salário mínimo foi reajustado por um decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro.

A regra de correção do mínimo leva em consideração a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior e a variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes. Quando a Lei Orçamentária de 2019 foi encaminhada ao Congresso, a equipe econômica previa que o INPC fecharia 2018 em 4,2%. Já o PIB de 2017 registrou um crescimento de 1%.

No entanto, o índice de inflação ficará abaixo das projeções do governo. Segundo o IBGE, num período de 12 meses fechados em novembro, o INPC ficou em 3,56%.

Além de corrigir o mínimo pela inflação e pelo crescimento da economia, o governo terá que acrescentar no valor R$ 1,75. Essa quantia é uma defasagem que precisa ser repassada aos trabalhadores por conta de uma diferença entre o INPC previsto para 2017 e quanto o governo repassou para os salários quando o presidente Michel Temer editou o decreto corrigindo o mínimo em 2018.

De acordo com a Lei Orçamentária, o salário mínimo ganharia um acréscimo de R$ 52 em 2019. Mas considerando o INPC mais baixo, esse valor ficou em R$ 44. Cada R$1 de aumento no mínimo tem impacto de R$ 300 milhões nas contas públicas. A economia com a mudança de reajuste supera os R$ 2 bilhões.

O decreto que corrige o salário mínimo costuma ser assinado pelo presidente da República nos últimos dias do ano. No entanto, Michel Temer deixou a tarefa para seu sucessor, que terá um outro desafio: fixar uma nova regra para o reajuste do salário mínimo a partir de 2020.

Fonte: O Globo

 

 

 


PUBLICIDADE

Últimas Notícias
 
Escola Estadual Elias Nasser é fechada em Caiapônia
 
Polícia Civil de Caiapônia conclui inquérito que apura a prática abuso sexual contra crianças em rituais de magia negra
 
Prefeito de Caiapônia anuncia mudanças no pagamento dos servidores


NOTÍCIAS ARTIGOS & OPINIÃO  
AGROPECUÁRIA
ARTIGOS & OPINIÃO
CONCURSOS
COTIDIANO
CULTURA
ECONOMIA
EDUCAÇÃO
ESPORTE
EVENTOS
JUSTIÇA
MEIO AMBIENTE
POLÍCIA
POLÍTICA
REGIÃO
SAÚDE
SOCIEDADE
ATHOS FILIPE
FATIMA CRISTINA
GUINTHER JUNIOR
LEONARDO COUTO
MARCOS MANOEL
NILVA MORAES


Facebook Instagram Facebook Instagram
© 2018. Todos direitos reservados a Folha de Caiapônia. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.